Saúde Gaúcha
Informação para gestores e profissionais de saúde.

- Publicidade -

Categoria:

Governo

Filantrópicos do SUS terão R$ 1 bilhão em financiamento

Contribuir para a reestruturação financeira das entidades filantrópicas e para a melhoria dos serviços prestados por essas instituições aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). Esses estão entre os objetivos da nova linha de crédito BNDES Saúde, que vai beneficiar quase 2 mil unidades do setor. Diante da relevância das filantrópicas como parceiras fundamentais da rede complementar do SUS, o lançamento da nova linha de crédito reuniu, nesta quinta-feira (13), no Palácio do Planalto, em Brasília, diversas autoridades do…

Esclerose múltipla terá medicamento de alto custo pelo SUS

Pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) que sofrem de esclerose múltipla e fazem uso da substância betainterferona-1A subcutânea, produzida pela empresa Merck, receberão em 2019 mais de 476 mil seringas desse medicamento com embalagem do Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos da Fundação Instituto Oswaldo Cruz (Bio-Manguinhos/Fiocruz).A distribuição gratuita do remédio pelo SUS com embalagem de Bio-Manguinhos é uma das etapas do processo de transferência de tecnologia resultante da Parceria para o…

Ministério diz que política anti-HIV/Aids não será prejudicada

O Ministério da Saúde lamenta a interpretação equivocada do jornal Folha de S. Paulo, na coluna Painel, sobre a nova estrutura do Ministério da Saúde. Ao contrário do informado pelo jornal, a nova estrutura regimental promove maior integração entre as áreas do Ministério da Saúde, que busca reordenar ações e tomada de decisão das políticas públicas em favor da população e melhor gestão do Sistema Único de Saúde (SUS). >> Sigilo sobre portadores de HIV será garantido por lei; norma passou na CCJ da Câmara Cabe…

Estado promete pagar em 16 vezes dívidas da Saúde com municípios e hospitais

O governador Eduardo Leite anunciou ontem (20), em evento na Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs), que a dívida com municípios e hospitais municipais, herdada das gestões anteriores, que chega a R$ 216 milhões, será quitada em 16 parcelas de R$ 13,5 milhões. O endividamento é formado por valores empenhados que não foram quitados desde 2014. Para as prefeituras, o Estado deve cerca de R$ 162 milhões (R$ 7,3 milhões de 2014; R$ 986 mil de 2015; R$ 2,3 milhões de 2016; R$ 4,3 milhões de…

Com mudança no organograma, Ministério promete mais resolutividade ao SUS

Um sistema de saúde mais forte e organizado. A partir disso, a atual gestão do Ministério da Saúde propôs nova estrutura regimental, que busca reordenar ações e políticas públicas em favor da população e melhor coordenação e fiscalização do Sistema Único de Saúde (SUS). A proposta elaborada pela gestão do ministro Luiz Henrique Mandetta cria novas secretarias, diretorias e departamentos, mas extingue outros. Criação da SAPS foi antecipada pelo Saúde Gaúcha no início de abril  Entre as novidades está a apresentação de…

Governo dará incentivo para que postos funcionem à noite

As Unidades Básicas de Saúde (UBS) que ampliarem horário de atendimento receberão mais recursos do Governo Federal. O anúncio foi feito pelo ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, nesta terça-feira (09), durante a Marcha dos Prefeitos, em Brasília. A medida prevê que a população tenha acesso aos serviços básicos, como consultas médicas e odontológicas, coleta de exames laboratoriais, testes de rastreamento para ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis), recém-nascidos e gestantes, aplicação de vacinas, consultas…

- Publicidade -

Com novo status, Atenção Primária será o eixo central na política de saúde do país

Por Charles Vilela, do saudegaucha.com O Ministério da Saúde irá anunciar nos próximos dias a criação da Secretaria de Atenção Primária. Com isso, a área, responsável pela política de prevenção e promoção da saúde, alcançará status hierárquico e de decisão inéditos na estrutura do governo federal. E a mudança irá muito além de nomenclatura, criação ou extinção de departamentos, oferecendo à atenção primária, na prática, mais poder na condução das políticas públicas de saúde do país. Além de propor um formato de gestão…

Com novo status, Atenção Primária será o eixo central na política de saúde do país

Por Charles Vilela, do saudegaucha.com O Ministério da Saúde irá anunciar nos próximos dias a criação da Secretaria de Atenção Primária. Com isso, a área, responsável pela política de prevenção e promoção da saúde, alcançará status hierárquico e de decisão inéditos na estrutura do governo federal. E a mudança irá muito além de nomenclatura, criação ou extinção de departamentos, oferecendo à atenção primária, na prática, mais poder na condução das políticas públicas de saúde do país. Além de propor um formato de gestão…

Remédios podem ser reajustados em até 4,33% a partir de hoje (1º)

O preço dos remédios vendidos no país pode aumentar até 4,33% a partir desta segunda-feira (1º). O valor, definido pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos, ficou acima da inflação de 2018, que fechou o ano em 3,75%. De acordo com o Ministério da Saúde, o percentual é o teto permitido de reajuste. Cada empresa pode decidir se vai aplicar o índice total ou menor. Os valores valem para os medicamentos vendidos com receita. Ainda segundo a pasta, o cálculo é feito com base em fatores como a inflação dos últimos…

Porto Alegre inaugura primeiro Caps álcool e drogas 24h a céu aberto país

Foi inaugurado em Porto Alegre nesta sexta-feira, 29, o primeiro Centro de Atenção Psicossocial (Caps AD IV) a céu aberto do Brasil, com funcionamento 24 horas, para atendimento em dependência de álcool e drogas. Desde 2012, não havia sido aberto na Capital um novo Caps. O local será administrado pela Associação Educadora São Carlos (Aesc), habilitada por edital de chamamento público. Localizado na rua Comendador Azevedo, 97, no bairro Floresta, o Caps AD IV terá psiquiatra à disposição durante todo o período. São 65…